Paraná

Direitos Humanos

Parolin recebe memorial de vítimas da violência policial em Curitiba

Homenagem ocorre neste domingo (16) e reúne comunidade para recordar e resistir

Curitiba (PR) |
Manifestação contra a violência policial e o racismo no Rio de Janeiro. - Foto: Maré de Notícias

Neste domingo (16), a Rede Nenhuma Vida a Menos realizará a inauguração do Memorial de Vítimas de Violência Policial às 14h no Parolin, bairro de Curitiba. O evento tem a intenção de ser um momento de encontros e trocas, dedicado à memória de Dalysson, Gustavo, Felipe e todas as vítimas de violência policial na cidade.

O memorial contará com uma programação cultural diversificada, como rodas de poesia com a participação do Slam Zumbi e Dandara, microfone aberto, música, bate-papo e outras atividades.

A iniciativa tem o objetivo de produzir memória e criar espaços de fortalecimento. "Fazer com que os nossos não sejam esquecidos são formas de lutar por justiça, pelo fim do racismo e da violência policial. Lembrar também é resistir", reforça a Rede Nenhuma Vida a Menos nas redes sociais. 

Serviço:

Data: Domingo, 16 de junho

Horário: 14h

Local: Rua Professor Porthos Velozo, 375, Parolin

Edição: Mayala Fernandes